O sol há de brilhar

Ela sentiu uma paz quando falou comigo! Confesso em silêncio para ela que também senti uma paz. Ela me acha estranho e gosta do meu jeito de conduzir a vida, para mim ela não é estranha, a solidão e as pessoas às vezes que a machuca.

Mas ela sabe que eu a amo, ela sabe que mesmo distante ela pode contar comigo. Nesses últimos dias, ela me falou que ia se despedir da vida e que nada mais vinha dando certo, eu disse não!

Pois a vida não é constituída apenas de lágrimas, de tristezas e de pessoas más, a vida tem o sol para iluminar nossos dias, e tem a noite para que possamos admirar a lua e as estrelas, a vida tem as crianças que são o futuro de amanhã.

Agora, eu espero que ela tenha uma ótima noite, e que nada nesse mundo a faça triste novamente, que ela abandone os pensamentos de suicídio, e que sua beleza e seu sorriso volte a brilhar.

Caras pálidas

Quando eles vieram, estavam famintos, e suas vestes exalavam um cheiro putrido. Vieram com suas cruzes e suas palavras bonitas e pensaram está nas Índias, nos chamaram de índios e nós os chamamos de cara pálida.

Queriam o ouro e a prata de nossas terras, que para nós não tinha nenhum valor, para eles era motivo de morte, vingança e de guerra, por aqui chegaram muitas caras pálidas com línguas e costumes parecidos, nos classificaram como selvagens.

Roubaram nossas terras, estupraram nossas mulheres e escravizaram nosso povo, esse discurso repetido por todos tinha como objetivo nos dizer que seríamos salvos, para isso teríamos que negar nossos deuses, nossa língua e nossos ancestrais.

Agora, não temos mais liberdade, a costa onde sentíamos o cheiro do mar, pertence a eles, a vida era melhor sem os caras pálidas e nosso mundo foi moldado entre a cruz e a espada.

Amor fati

Que o nosso amor, não seja um amor de posses, pois, na posse não pode existir amor, na posse o que existe é a insegurança de viver doravante sem a outra pessoa. Em linhas gerais eu quero viver esse momento, o momento em que me doo ao teu olhar.

Que aceitemos nosso próprio destino, em parte, que todas as consequências independa de nós, que nesse momento de eterna ansiedade onde você sussurra o que será de nós, te peço minha cara que jamais desista da gente.

Tudo que acontece é necessário, se eu te amo e não te tenho, eu às vezes idealizo o futuro, mas sofro com as vozes que sussurra no presente, então, eu te amo no presente, eu te amo porque aceitei o meu destino, eu te amo porque te aceitei para minha vida.

A dor da rosa vermelha

A rosa vermelha cansada de chorar olhou para o beija-flor e disse: O meu peito está doendo, e minhas lágrimas não param de cair! O beija-flor surpreso com a rosa parou no tempo e olhou para o alto!

Oh meu amor! O Meu coração que pulsa freneticamente só pulsa por tua causa! A rosa novamente olhou para o beija-flor e disse: Você mentiu para mim, eu não sabia que por onde você passa, todas as rosas ficam a te observar.

O beijar-flor sorriu, e falou que todas as rosas possuem perfume, mas o único e verdadeiro perfume era o da rosa vermelha que exalava ele por dezenas de quilômetros.

Uma lágrima despontou das pétalas da rosa e ela falou que o seu peito estava doendo. O beijar-flor demonstrando todo seu amor disse que não ia embora, e que todas as rosas poderiam ser iguais, mas que no fundo do peito ele amava unicamente essa rosa, a rosa vermelha.

Abraça-me

Abraça-me pela última vez, mesmo que o mundo te espere lá fora! O tempo não foi bondoso com a gente, então abraça-me, mesmo que o carro que te espera lá fora vá embora.

Confesso em linhas escondidas em meu armário, que meu amor ainda arde em chamas, mas agora partes, e levas contigo os meus sentimentos escondidos no papel.

O nosso amor era ingênuo como a existência das crianças, agora, adultos marcados pela vida, segues o teu destino derramando um pranto ao recordar o passado.

Volta e meia eu penso na gente, da gente só espero boas lembranças, não quero que o mundo te faça sofrer, até eu mesmo sendo ateu, eu olho para o infinito e peço a deus que mal algum venha a te acontecer.

Agora segues de novo o teu destino, e não deixes que as pessoas e tua mente te confunda, e lembre-se que uma estrela marcou a nossa jornada

A monção indiana

O tempo passou sobre nós destruindo tudo que nos prendia ao passado. Dos amores que eu tive você foi a única, da solidão que eu tive você a dissipou quando direcionou para mim seus olhos castanhos, os olhos castanhos que não me canso de admirar.

Lá fora parece que chove, a chuva quando cai, vai levando para a terra tudo que ela encontra pelo o caminho, tudo o que ela puder levar. Quando ela me notou, achou talvez que eu fosse de outra galáxia, quando a notei, tive medo de não saber mais amar.

Meu coração estava maltratado pelas inúmeras vezes que eu o deixei seguir sozinho, o dela estava sem esperança por não acreditar mais que existia amor, e de repente o seu coração me adotou, vi que as flores do campo começaram a brotar.

O tempo parece mudar, mas as chuvas continuam a cair lá fora como uma monção indiana, há dias que eu gosto de chuva, tem dias que gosto mais de sol, e me pergunto o que ela está fazendo a essa hora? Paro! e volto ao trabalho porque eu sei que o nosso amor ainda vai continuar.

A tempestade um dia passa

Alegro-me em parte com tua alegria, na verdade queria eu está ao teu lado neste momento. Dizem por entre linhas que amar é isso, é permitir que o outro seja feliz, mesmo que isso seja a dor que te destrói.

Olho para o passado e reflito, sinto um vento suave deslocar as mechas dos meus cabelos, sinto você se deslocar a cavalo, com lanças e espadas perturbando meus pensamentos.

Toco no meu coração e percebo que ainda estou vivo, toco a vida para frente porque eu sei que o tempo não retrocede jamais, e paro de repente de frente para o sol.

E segues agora construindo teu destino, e nas lembranças permanece tua imagem, eu te amei em silêncio, um silêncio onde apenas meu coração foi testemunha.

Dependente

É tão estranho quando o amor morre, o amor que pensávamos ser eterno. O amor tem dessas coisas, na verdade acho que ele não existe, na verdade ele é a toxina mais letal que ataca a humanidade.

Quando vemos o amor que um dia tivemos, parece que estamos ferido de novo, parece que estamos sangrando aos poucos, e isso dói, amar às vezes dói, a gente quer apenas desaparecer para não sentir essa dor de novo, a gente quer se isolar do mundo e de todos.

Quando ela resolveu me esquecer, eu não pensei que ela ia partir, a gente nunca está preparado para a ruptura de um amor que um dia pensávamos ser eterno, na verdade parecemos como crianças inocentes.

Para mim ela era o sentido de continuar vivendo, mas para ela, eu não passei de um sonho ou pesadelo que um dia ela teve na vida. E assim vou continuar vivendo, ela anda feliz, acho! eu continuo o mesmo, esse resultado complexo que a natureza criou.

Com amor para você

O destino nos cruzou de repente, e de repente eu percebi que esse amor ia me derrubar mais uma vez. Não sei, pode até parecer pecado amar alguém com toda suas forças, mas o importante é que me sinto feliz e isso nesse momento talvez seja o que mais importa.

Confesso, em tom de medo que ela é a coisa mais agradável que apareceu em minha vida nos últimos anos, Vida também era o pseudônimo que eu dei para ela, Vida era o nome pelo o qual nós nos chamavamos, e prometemos não jurar amor eterno, pois, descobrimos com as marcas da vida que não existe amores eternos.

E ela me falou que quando eu saí de sua vida, a vida parou diante de seus olhos, eu também confesso que o primeiro pensamento que vinha a minha mente, era seu lindo rosto, e os lindos pontinhos que contornavam a boca dela, a boca que susurrava um – ” Eu te amo” – a boca que tantas vezes eu beijei.

E a esperança é a única força que nos mantém vivos, combinamos de comprar os móveis, combinamos de não mais nos separar, combinamos que nessa breve vida íamos completar um ao outro.

Para sempre teu

Eu hoje descobri que meus pensamentos não são mais meus. Que todo meu orgulho desceu pelo o ralo quando você partiu, e o sol apareceu quando você decidiu voltar.

E quando você apareceu me perguntou o que eu faria se te visse chorar! Te respondi que não seria conservador meu amor, não tenho a educação dos teus irmãos, eu seria apenas centrado em você.

E você me disse que estava sensível emocionalmente, e qualquer coisa te faria chorar, eu disse que conteria teu choro com um beijo, e no decorrer do dia completaria a tua felicidade com meus sentimentos.

Agora a dúvida te bate, se vale a pena arriscar toda tua história e tua vida, nessa altura da vida eu não tinha mais ninguém, nessa altura da vida só enxergava você como meu porto seguro.