Sempre dela

Quando ela reapareceu eu já sabia que eu era dela, porque ela nunca saiu de minha vida, e acho que também nunca saí da vida dela. Ela reclama das minhas trapalhadas – É o jeito dela – mas no final de nossas conversas digo que a amo, mas ela me interrompe dizendo me amar mais – sempre mais.

E a gente se entende, no final das contas a gente sempre se entende. Hoje ela disse que lembrou de mim ao ver um pequeno avião, hoje uma música me fez lembrar o nome dela, ela pediu para ouvir “Será” da banda Legião, e eu terminei no final das palavras para que ela nunca destruísse o nosso coração, e assim eu sigo amando ela, e assim a minha vida se completa com a vida dela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s