Com amor para você

O destino nos cruzou de repente, e de repente eu percebi que esse amor ia me derrubar mais uma vez. Não sei, pode até parecer pecado amar alguém com toda suas forças, mas o importante é que me sinto feliz e isso nesse momento talvez seja o que mais importa.

Confesso, em tom de medo que ela é a coisa mais agradável que apareceu em minha vida nos últimos anos, Vida também era o pseudônimo que eu dei para ela, Vida era o nome pelo o qual nós nos chamavamos, e prometemos não jurar amor eterno, pois, descobrimos com as marcas da vida que não existe amores eternos.

E ela me falou que quando eu saí de sua vida, a vida parou diante de seus olhos, eu também confesso que o primeiro pensamento que vinha a minha mente, era seu lindo rosto, e os lindos pontinhos que contornavam a boca dela, a boca que susurrava um – ” Eu te amo” – a boca que tantas vezes eu beijei.

E a esperança é a única força que nos mantém vivos, combinamos de comprar os móveis, combinamos de não mais nos separar, combinamos que nessa breve vida íamos completar um ao outro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s