Nem mesmo o tempo conseguiu fazer eu esquecer você

As primaveras passam, todas as primaveras sempre passaram, mas um ano após o outro sempre teremos primaveras. E os dias vão passar para você rápido, eu sei. Os dias sempre passam rápido quando queremos que ele passe devagar. Tenho medo de não conseguir viver, tenho medo que ao tentar te esquecer encontre a loucura ao meu lado.

Talvez relembre das estrelas que haviam em tua face, olhando a noite para as constelações no firmamento, sabe, eu encontro teu sorriso em cada constelação, teu sorriso é a minha contestação de cada dia.

Vão ficar as marcas de tudo o que somos e de tudo que vivemos, talvez você busque o sol no final da tarde, talvez a noite você vá ver o mar, e a lua aparecer por trás das nuvens.

Mas agora sinto que não estás aqui, ao meu lado – eu sei, mas estiveste em minhas lembranças, sempre estiveste em minhas lembranças, o tempo mudou minha face e todas minhas atitudes, mas nem mesmo o tempo conseguiu fazer eu esquecer você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s