Não me abandone jamais

Sim, ela talvez esteja onde eu a vi pela última vez. Talvez cercada pela família e pelos amigos. Quem sabe ela esteja sorrindo, quem sabe ela esqueceu quanto tempo faz.

Eu continuarei aqui, eu quero continuar aqui e deixá-la viver, a felicidade dela é tudo de mais importante que eu quero.

Entre uma xícara ou outra de chá e café, eu lembrarei dela, eu quero lembrar dela porque fora desse universo que estou submetido, lembrar dela me dar forças.

E nesse universo que eu estou submetido voltar ao tempo era tudo que eu mais queria, voltar ao tempo e não deixá-la Jamais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s