O Homem em sua busca pela sabedoria

Abandona-se o mito. E o homem influenciado pelas ideias de Aristóteles, busca traçar seu próprio caminho. E chega alado em uma grande nuvem negra, a Idade Média, a Idade das trevas, violentada e aleijada pelos bárbaros do norte e os bárbaros do leste.

Moldam-se pensamentos, e ele preso as rédeas de uma grande igreja, sobrevive nos porões dos castelos, e nas grandes matas da floresta temperada, e ainda não tocadas pelo carniceiro homem.

E o grande pássaro da sabedoria cruza os séculos, e vivencia os grandes mártires, que deram suas vidas por uma causa – A grandeza e a descoberta da natureza, sem a chama da censura, que dilacera os corações.

E a sabedoria não é mais a mesma; fora desviada para saciar a ganancia do homem, e asfixia-lo em uma enorme poeira radioativa, desintegrando suas moléculas, e lhe causando mutações genéticas, verdadeiras cobaias de suas próprias objeções.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s