Energicamente humanos

Acho que os heróis que deram origem as lendas, não travaram nenhuma batalha contra nem um monstro épico, ou contra nenhum dragão inspirado em fosseis de dinossauros.

Guerreavam contra seus medos, e o desespero que invade a mente humana, quando não encontram um porto para aportar toda carga, que ele carrega, desde o primeiro suspiro.

O dragão do misticismo humano é a principal vontade de combater sua fraqueza, suas desilusões amorosas e existenciais, e assim o homem se agarra ao que está mais perto.

Cospe no vento, e tenta descontruir o que lhe deu sentido por todos os anos de sua vida. A vida que ainda não foi definida e é fruto de força sobrenatural, ou fonte de uma única força enérgica.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s