Quando uma estrela cadente cruzou o céu, eu em minha inocência pedi para que você não fosse, pois sua imagem me ilumina a cada dia e a cada amanhecer.

E se vens falar comigo, eu largo tudo que estava me impedindo e saio novamente pra te ver, e sabes de uma coisa, passei a sentir ciúmes do sol, pois sei que você o espera quando ele está partindo.

E quando me vens à memória eu me lembro de teu sorriso com uma flor no cabelo, então todas as noites quando os meteoritos rasgam o céu, eu faço um pedindo para que a natureza sempre proteja você.

Anúncios