O tempo anda consumindo tudo a minha volta. Ontem eu era uma criança e ia para a escola com os mesmos sonhos de sempre. Tinha como meta apenas ser feliz junto com os antigos amigos.

Hoje tudo está diferente, não tenho mas os sonhos de antes, as pessoas são amargas e em certas ocasiões conspiram para te fazer o mal.

No mundo a fome consome vidas que não se completaram no curso normal do tempo, e as pessoas não se importam com nada disso, preferem continuar a rotular outras pessoas para satisfazer em si o desejo da maldade.

Na história da humanidade eu pensei que a violência era coisa dos nossos antepassados, mas ela vive em nós tão presente, seres humanos perdidos na mesquinhez de seus mundos pequenos, e os meus sonhos ficaram no passado, mas ainda tenho a certeza que em algum lugar há alguém para confiar, e dividir comigo a esperança de um mundo melhor.

Anúncios