Chove. E lá fora escuto o som
Da chuva refrigerando a terra.
Aqui dentro e no silêncio do
Meu quarto você vem,
silenciosamente como o vento
Que dissipa a brisa em uma noite fria.

Quando tenho saudades, e ela
Está sempre em mim, olho algumas de tuas fotos em uma rede social.
Queria sentir você, e conversar
Com você. Gosto de ouvir tua
Voz, nesses dias de chuva, a
Lembrança é mais forte que em
Dias de sol.

Toma meu braço, e segura firme
A minha mão, porque quando
Passarmos pela escuridão quero
Estar firme, quando passar toda
a névoa que encobre a cidade,
Quero ver a lua, e juntos superarmos
A tempestade.

Anúncios