A mesma estação

Então eu parei, pois vi que você
Não ia seguir mais. Tentei olhar
Para trás e você também me
Olhou, mas o clima não era o mesmo.

Então eu larguei o que me prendia
A você, você tentou voltar. Só que
Não me encontrou, pois eu não estava
Naquela parada que você me deixou.

Segui. Peguei um ônibus em um dia
Chuvoso e nada tinha mais significado.
Eu também não tinha mais significado.

A caneta e os versos me acompanharam,
O sol era a razão de me levantar para
Buscar a vida. A vida que perdi.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s